2013/03/14

Que dia escolheste tu para me conhecer...

Segunda feira foi dia de não me apetecer pentear, vestir, maquilhar, sorrir, falar...
E tu apareceste assim de repente e sem avisar!
Esperavas porque do telemóvel me esqueci quando fui almoçar!
Meus olhos verdes desfocados na cor pelo fim de semana que tinha sido de dor...
A boca que me doía porque o raio dos braquetes me estavam a magoar...
Enquanto conversávamos só me apetecia sorrir, parecia-me que sempre te conheci!
Foi naquele cantinho porque tinha de ser... não havia tempo de a outro ir...
Não percebi o que de mim pensaste, mas curiosamente, e contrariamente ao habitual, a tua opinião interessava-me...
Ficou tanto por dizer, coisas que eu não te queria ali perguntar porque não havia só um eram, muitos a cuscar... mas a tua curiosidade pela "ponte" fiquei sem perceber e gostaria tanto que me pudesses explicar...
E foi assim deslavada, mas sempre sorridente, que conheceste Green Eyes, uma amiga que espero queiras guardar!