2011/02/15

Há coisas inexplicáveis... ou então não!


Ainda gostava de perceber porque é que um blogue liliputiano assim do género do Para Quando Me Apetece..., que apenas tem meia dúzia, se tantos e isto em dias bons, de leitores é plagiado...
É que de repente, e numa procura na Internet cujo fim nem era o de verificar isso, me aparecem os meus textos, sim meus porque são escritos por mim, inspirados em situações da minha vida, vividas ou sentidas - são dos outros enquanto leitores e porque os quero participadores dessas vivências, desses sentimentos!
Mudam-se umas vírgulas, uns pontos, metem-se uns sinónimos, mas continuo a ser Eu que lá estou!
Eu gosto da partilha mas detesto o roubo!