2010/01/27

Oopss!!



Está vento!
Muito vento!
Mesmo muito vento!

Logo hoje que "escolhi" usar este vestido...

Muitos sons de travagens bruscas ouvi, eu, hoje...
Nem sei porquê, não havia obstáculos na rua...

Tenho também a leve sensação de que "falaram" comigo...
Mas não tenho a certeza, é que havia uns sibilos que dificultavam a audição...

Está vento...
Muito vento...

2010/01/25

Gosto Muito Quando...


Alguém com quem estive no sábado me diz à segunda-feira que teve saudades minhas!!


Se "isto" fosse uma relação de amor seria perfeito!!

Assim, é apenas agradável!!

Agradavelmente agradável ;)

2010/01/21

Ó João…


SMS do João – “ vês a Madona namora com um de 21

SMS de Green Eyes – “eu não sou a Madona

SMS do João – “pois não… és melhor

Ó João és um doce, “cegueta” é certo, ainda assim um doce, mas ó filho “desampara-me a loja”, vai procurar uma miúda da tua idade!!!

A única explicação que encontro para estas tretas dos “miúdos” é eles terem “Complexo de Édipo” e eu “um ar maternal”!!!

2010/01/20

Se Há Coisa Que Eu Detesto...


São pessoas falsas, mentirosas, oportunistas, aldrabonas, intrujonas, embusteiras, trapaceiras...

Mas...

                         Um dia enrolam-se no seu próprio novelo...




Se eu profissionalmente até tenho, algum, prazer em desconstruir todos estes enredos, dá-me alento naqueles dias mais complicados, já pessoalmente…

Pessoalmente, e valha-me o facto da palavra pessoalmente ser muito abrangente, o sentimento de prazer é substituído pelo de desilusão!

Haja paciência!!!!

Desculpe Se O Incomodei...


Ao ler este post(um destes dias, já não lembro quando, há dias que são uma treta, ontem foi um desses, e depois ficamos baralhadas...) da Aninhas, relembrei uma cena que tinha acabado há pouco tempo de presenciar...

Ao sair do serviço quando me dirigi para o meu carro pareceu-me ver um homem, encostado ao mesmo, mas como estava escuro fui andando. Isto de usar "lunetas" de noite tudo parece o que não é...
Quando cheguei mais perto constatei que era mesmo um homem e que estava a fazer chichi encostado ao meu carro!!! (que nojice...)
O homem quando me viu, ficou assim a modos que meio atrapalhado, e fixou o olhar em mim sem se mexer... valeu-me o facto de estar escuro, é que pensem o que quiserem, mas eu morreria de vergonha se conseguisse mesmo ver alguma coisa em concreto... Não tirei os olhos da cara do homem nem por um milésimo de segundo...
Como aqueles segundos já me pareciam horas resolvi dizer qualquer coisa para acabar com aquela cena!!

Dirigi-me para a porta do condutor, ele estava do lado do passageiro e disse-lhe:

- Esteja à vontade! Quando acabar agradecia que me informasse para eu poder ir para casa...



2010/01/18

Dá-me Música!!


Este tempo de chuva e vento e coisa e tal, tem consequências gravíssimas na minha pessoa!
Não, não estou a falar de estados depressivos, nada disso! Falo dos efeitos nefastos que tem no meu ego!

Quando as condições atmosféricas estão mesmo mazinhas, os trolhas não trabalham, a obra fica deserta!!!

Sim e depois? Pensam vocês. (se não pensaram deveriam ter pensado, ou estragam-me o post, ora...)

Eu explico:

Os trolhas, detestados por muitas mulheres e quiçá alguns homens, mas de quem eu até gosto (já vão perceber porquê) "mandam-me" sempre uns piropos quando por eles passo à hora de almoço.
É usual vê-los alinhados, encostados ao muro, a "ver as moçoilas passar"!
Ora como sabem, trolha que é trolha tem de "piropar"!!
Eu acho um piadão aos piropos, nunca resisto a me rir!
Um dos que mais oiço é o - "és boa como o milho, vamos fazer pipocas".
Eu sei que alguns piropos não são nada originais, aliás já aqui dissertei sobre isso, mas, pelo menos comigo, nunca ouvi um daqueles obscenos, coisa que eu não aprecio, gosto de subtilezas e detesto o rasca!
Esta situação, a dos piropos, é um bom tónico para o meu ego!!
Eu sei, eu tonta me confesso ;)

Agora imaginam o mal que as condições atmosféricas me estão a fazer ao ego??
Ninguém "me dá música"...
Ando tão tristonha...

2010/01/15

Hoje Tentarei “Deixar-me Cair” Nos Braços Dele…


Ele ontem, de madrugada, não me largou!!
Passou o tempo todo a sussurrar-me ao ouvido – “vem, deixa-te ficar comigo”!
O seu bafo quente e doce provocava-me tanto que quase me deixei ir com ele
Mas não podia! Tinha de acabar o que estava a fazer!
Respondia-lhe, abanando a cabeça – “sai, vai, deixa-me, amanhã prometo que não te resisto”.
Mas ele insistia – “vem, vem a meus braços meu amor, fica comigo hoje, não resistas”.
Ai que tentação…
Ele é deveras encantador, delicioso, cativador, sedutor!
Sempre que o sinto junto a mim arrepio-me!
Sinto tanta vontade de me deixar ficar com ele!
De o deixar tomar conta de mim, do meu corpo, da minha mente!
De me entregar completa!
Nem sei bem porque lhe resisto tanto…
Ele tem um vício que me irrita um pouquinho... querer-me quando eu não lhe posso satisfazer a vontade!
Quer-me, tantas vezes, nas horas mais impróprias para eu me deixar cair nos braços dele!
Ai… ai, ai…

Hoje não resistirei…
Hoje deixar-me-ei ir nos braços dele… queira-me ele!!
Queira-me ele com tanto ardor como eu hoje o quero...

Hoje irei deixar-me...

Cair nos braços de Morfeu!!!


Se a vida fosse um “Matrix” preferia deixar-me cair nos braços do Neo…

2010/01/14

Que Chatice...



Detesto sentir-me assim...
Tudo me aborrece!!
Já me custa disfarçar...
Não consigo deixar de pensar...
Na situação do Haiti...
Nas tempestades de vento, nocturnas, que não me deixam dormir porque estou sempre a pensar nas pessoas, nas suas casas, nas que não tem casa, nos animais indefesos...
Que não sei como poderei resolver os problemas de algumas pessoas...
No "trabalho" que tenho de entregar amanhã e que não consigo fazer (detesto o tema)...
Que sempre me tiram o que eu quero...
Em alguém em quem não deveria pensar...

Tenho sono...
Não entro em disputas...
Queres, leva...

Apetecia-me deixar de estar assim...
Vou dormir...
Depois volto...

2010/01/13

O Mistério Da Minha Cama Está Resolvido!!



Eu já começava a desconfiar quando ela vinha para a minha beira sempre a olhar de soslaio!
Já há alguns dias que eu me tinha aborrecido com ela e não lhe fazia aquele carinho de que ela está sempre à espera de cada vez que eu chego a casa!
Não me lembro bem porque foi, mas deve ter sido por ela não me obedecer! Eu sou assim... Amuo!

Pois, já perceberam que era a canina cá de casa que andava a transportar as coisas (telecomando e meia preta) para a minha cama! Como ela o fazia depois de eu sair para o trabalho (a porta do quarto que dá directamente para o jardim estava aberta) eu nada via quando fazia a cama de manhã!
Apanhei-a em flagrante!!
Ficou a olhar para mim com um ar tão mimado que não resisti e fizemos as pazes!
Apenas me queria dar coisas de que eu gosto :)


Amor com Amor se paga ;)

2010/01/12

Eu??!! Eu Sou Um "Anjinho"...


Há pouco chegou uma pessoa ao pé de mim e disse:

Pessoa (com ar enjoado) – Tu irritas-me, sabes?

Green Eyes – Eu??!! (em pensamento: viva... consegui... prova superada... toma, toma... lá, lá, lá... vai lamber sabão...) Porquê?! Que fiz?!

Pessoa (com ar, ainda mais, enjoado) – Estás sempre de sorriso no rosto para toda a gente, tens sempre resposta para tudo, quando não sabes vais logo pesquisar... enervas-me!!!

Green Eyes (de sorriso no rosto e olhar matreiro…) – Ah, pensei que era a sério, sempre a brincar… (em pensamento: vai dar banho ao cão… ou melhor, toma tu...)



Conclusões de Green Eyes:

– Aos idiotas basta verem-nos sorrir para se sentirem inferiores...
– Felizmente esteja como estiver a "tachola" está sempre à mostra...
– Para irritar, ainda mais, um idiota basta fazer de conta que não o "percebemos"...

Credo!!! Estou tão mazinha... soube-me tão bem... estava tão fartinha desta pessoa...

2010/01/10

Eu Confesso Que...


Não sou o Pássaro da história anterior.

Mas confesso, sem vergonha, que já fui o Pássaro...

E mais confesso, com vergonha, que já quase fui o Raio de Sol!

De momento sou apenas Eu, sem (des)gostos de Amor!


A minha última "paixão assolapada" (durou os famosos 30 minutos) foi há algum tempo e acabou aqui...

2010/01/06

Há Um Mistério Na Minha Cama!!!



Sinceramente ando, mesmo, intrigada com o que se tem passado na minha cama!!

Tudo começou na segunda-feira por volta das 3h e tal da madrugada, quando me “aconcheguei” para adormecer, senti uma “coisa” áspera e dura debaixo das costas!
Até dei um salto!!
Que raio de coisa está aqui? – Pensei eu.
Liguei a luz e vi um telecomando!
Hum… de quem é isto? Os meus telecomandos não são assim…
Como eu tinha estado uns dias fora de casa, pensei que deveria ter sido alguém que, na brincadeira, me colocou na mala tal coisa. De manhã telefonei e não, não era, todos os telecomandos estavam lá, e cá em casa não se encontra aparelho para tal “coisa”!!!

Terça-feira lá me “aconchego” eu para adormecer e…
Fonix!!! Senti uma “coisa” mole nos pés!
“Dios mio”, é um bicho qualquer… “Enchi-me” de coragem e fui ver o que era… uma meia preta!!
Minha não é, eu tenho “pé de Cinderela” e aquela era enorme!!!
Amanhã pergunto… perguntei ao Pai se era dele e ele diz logo – eu só uso da lacoste!

Quarta-feira (hoje de madrugada), antes de qualquer “aconchego”, “revirei” a cama toda à procura de qualquer coisa, nada apareceu!

Não sei, sinceramente, o que se passa…
Até “tremo” só de pensar se e no que me “aparecerá” hoje…
De quem serão tais “artefactos”??

2010/01/05

Desde Que Iniciou O Ano Já...


Me ligaram para o telemóvel "mil milhões" de vezes...
O.k., "mil milhões" é exagerado... foram só "999 milhões"!!




Eu estaria muito feliz se tivesse sido para um convite, quiçá para:
  • Tomar um cafezito;
  • Ir ao cinema (ver o Avatar em 3D);
  • Ir "dar um pezinho de dança";
  • Ir passear à beira mar...
Até já me "contentava" se fosse só um Olá...

Mas não...
Passam o tempo todo, especialmente a "altas" horas da madrugada, a telefonar-me só para...
Depois obviamente que não durmo...
Raio de gente "desocupada"...