2009/11/18

Uma "Rival" de 6 Anos!!!!!!!


Hoje lá tive eu de voltar aqui... Nada de complicado.

Estava eu sentada, num dos bancos da sala de espera, a aguardar a minha vez quando me apercebi de que havia dois miúdos, um casal, que andavam a fazer um bocadinho de barulho e a correr de um lado para o outro...
Obviamente que me pus logo a ver o que se passava...
Uma miúda de cerca de 5/6 anos "andava atrás" de um miúdo mais ou menos da mesma idade. Corria para ele e tentava agarrá-lo, queria abraçá-lo, queria que ele conversasse com ela, enfim tentava por todos os meios chamar-lhe a atenção!
O miúdo, com um ar de zangado, tentava fugir, encostava-se à mãe que se ria, corria entre as pessoas, mas nada, ela agarrava-lhe a camisola e ali andavam um a puxar o outro...
De repente ela desistiu por breves segundos, apenas para ir buscar à mãe qualquer coisa e o miúdo, aproveitando a "deixa", correu para o meu lado, sentando-se rapidamente ao meu lado e olhando para mim como que a pedir-me protecção.
Dei-lhe um sorriso de solidariedade e comecei a conversar com ele.

Green Eyes - A menina é um bocadinho chata, não é?

Miúdo - Boilas... Já tou canxado...

A miúda mal reparou que eu tinha a atenção pela qual ela tanto lutou... aproxima-se de mim, espeta-me um valente pontapé na perna e diz:

Miúda - Paba, és fea!

Entre risos, mães "aflitas", dores na perna, lá lhe expliquei que não se pode bater assim nas pessoas e tal!! Até que nem foi difícil conquistá-la! 

Conclusão de Green Eyes...

  • As "pirralhas" começam mais cedo a reivindicar, o que querem, do que no meu tempo...
  • Continuo a saber lidar com mulheres enfurecidas...
  • Neste consultório há sempre um "rapaz" para mim...