2009/04/20

Vá Lá... Dá-me Um Beijo!



Quando vou à cabeleireira em dias de vento adoro sair de lá toda “pimpona” e ficar ao vento até o penteado ficar todo despenteado!
Confusos?
Querem que explique?
Não?
Oh…
Não faz mal eu explico na mesma, até porque me apetece ;)
Não há sensação igual, sentir os cabelos livres ao vento!
Bem… Adiante!
Então estava eu hoje, ao final da tarde, depois de ter estado na cabeleireira, sentada num banco a saborear o vento, quando se aproximou um grupo de “gaiatos”, meninas e meninos. Como os risinhos eram assim a modos que ligeiramente estridentes fiquei a olhar para tentar perceber qual o motivo de tão grande alegria!
– Vá lá Mi dá um beijo à Ana! – Diziam algumas das garotas, enquanto o Mi fugia (não muito é certo) da garota que deduzi deveria ser a Ana. Os outros garotos sentaram-se e olhavam de sorriso aberto, talvez a tentar perceber porque não aceitava o Mi tão “árdua” tarefa!
Ela de risinho estridente a tentar agarrá-lo – Vá lá Mi, não sejas cortes… Dá-me lá um beijo!
O Mi, meio envergonhado de vez em quando olhava, de soslaio, para mim e eu sempre de cara de “parva” a olhar.
E por ali estiveram uns atrás dos outros durante alguns minutos (eu sempre com cara de “parva” a olhar) até que o Mi já cansado disse – Tá bem… Anda cá…
A garota, Ana, parecia que voava… Agarrou-se-lhe ao pescoço e vai de se espetar, literalmente (até, por segundos, temi pelos dentes de um e de outro) e deu-lhe uma espécie de beijo!
Depois disto continuaram caminho, (o Mi ainda me deu um risinho) sempre com os risinhos estridentes e naquele jogo de foge e não foge…
Como é hábito meu pôs-me logo a tirar conclusões…

Hum…
E mais
Hum…
Pois…
Acho que fiz tudo errado... Ou não... :{