2009/02/10

Momento de Fraqueza!

Encontrei estas palavras “escrevinhadas” por mim há algum tempo atrás.
Na altura fizeram sentido! Agora...
Pedi ao Sabão, que é um PINTOR sensacional, que mas ilustrasse.
Ele "viu-as" assim e eu adorei!

Quero-te ao pé de mim.
Quero poder encostar a minha cabeça no teu ombro.
Quero chorar e as lágrimas não saem!
Quero chorar e que tu me seques as lágrimas com os teus dedos,
Que os passes lentamente no meu rosto em jeito de carícia,
Que as seques com os teus lábios em jeito de sussurro.
Quero o teu abraço,
Quero sentir-me protegida!
Quero-te!

Sai, vai, não te quero aqui!

Eu não quero estar dependente de ti,
Não quero depender de sentimentos!
Não POSSO depender deles!
Não tenho tempo!
Não mereço!

Mas…

VOLTA!

Quero-te!