2009/02/25

Já Não Sei Se É De Mim...



Há coisas mesmo irritantes!

Depois de insistir “n” vezes para sairmos numa “cena” mais prolongada do que um café e eu lhe ter respondido que não essas mesmas “n” vezes, sai-se com esta!

Ele: – Mas qual é problema de saíres comigo?

Eu: – Não me apetece.

Ele: – Mas porquê? Não me achas interessante? Atraente? Vá lá confessa… Eu sou irresistível…
Com um daqueles sorrisinhos que irritaria até a minha avó paterna, se fosse viva, sim porque esta tinha paciência e divertia-se com estes “cromos”, era brasileira, a materna acho que já lhe teria acertado com qualquer coisa, era portuguesa e minhota!

Eu: – Já que falas nisso, não, nem um pouco! (em desespero de causa…)

Ele: – Tu tens é a mania que és boa!

Eu: (em pensamento rápido que eu nestas coisas, e noutras, não tenho tempo a perder): Ora bem, meu palerma, se tu andas à “n” tempo a “chatear-me a mona” para sairmos, se te deste ao trabalho de fazer, de todas essas “n” vezes, mais de 100km só para tomarmos um café, se gastaste dinheiro em flores, chocolates e tal… eu para ti sou o quê?!
BOA… pois claro! (tenha lá isso o significado que quiseres que tenha)

– Sabes… Eu não tenho a mania… Eu sou mesmo BOA!

Porra, eu só “atrai-o” anormais :(

E os chocolates eram mesmo “rafeiros”!

Vou só ali cortar os pulsos, atirar-me da janela abaixo e com sorte ainda parto uma perna ;)